Duque cobra batalhão especializado para Serra Talhada

O deputado estadual Luciano Duque usou a tribuna da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), nesta segunda-feira (26), para cobrar a instalação de um Batalhão Integrado Especializado da Polícia Militar – BIEsp em Serra Talhada.

O deputado demonstrou bastante preocupação com os números da violência na Capital do Xaxado, que lidera os casos graves na região. Apesar disso, há uma expectativa que o batalhão seja levado para Arcoverde. “Venho aqui hoje com uma preocupação com o meu município, Serra Talhada. Nós resgatamos a questão do 14º BPM e vínhamos trabalhando a questão do BIESP (Batalhão Integrado Especializado do Sertão e Policiamento do Interior). Nós viemos fazer um apelo a governadora Raquel Lyra para que leve o Biesp para Serra Talhada”, afirmou.

“Em 2023 foram registradas 21 mortes violentas em Serra Talhada. 738 casos de violência doméstica, pasmem. Precisamos retomar a discussão da delegacia da mulher em Serra Talhada. Neste ano já tivemos mortes bárbaras em Serra Talhada. É necessário e urgente o Biesp em nossa cidade para o combate a assaltos, tráfico de drogas, porte ilegal de armas, desarticulação de grupo de extermínios. Temos uma área doada e estruturada num bairro próximo ao centro da cidade, que vai agilizar a implantação desse equipamento”.

Compartilhamento

Alunos atravessam riacho para ir à escola em Serra Talhada

Após o acidente com um ônibus escolar da rede estadual na região de Água Branca, o Blog Juliana Lima recebeu imagens da situação crítica enfrentada pelos moradores da Barra do Exu, na zona rural de Serra Talhada.

Sempre que chove o nível do riacho da comunidade sobe e deixa os moradores ilhados, uma vez que a passagem molhada está destruída. Estudantes precisam ser carregados nos ombros pelos pais para atravessarem o riacho e pegarem o ônibus escolar, que não consegue atravessar a passagem molhada e fica esperando os alunos na outra margem. Quem não quiser atravessar o riacho por dentro da água, precisa se arriscar numa ponte de madeira em condições precárias.

Moradores relataram que procuraram a Prefeitura de Serra Talhada pedindo uma solução para o problema, mas o governo informou que necessitava fazer um projeto para poder fazer a obra.

Cansados de esperar, os próprios moradores se juntaram e estão fazendo o serviço por conta própria com a ajuda do ex-secretário de Agricultura, Zé Pereira, que teria se solidarizado com a comunidade e locado uma retroescavadeira para ajudar nos trabalhos.

O blog vai buscar informações junto à Prefeitura de Serra Talhada sobre o caso.

Compartilhamento

“Causas estão sendo apuradas”, diz GRE sobre acidente com ônibus em Serra Talhada

O gerente regional de educação, Israel Silveira, falou com exclusividade ao Blog Juliana Lima e à Rádio Pajeú sobre o acidente com um ônibus escolar ocorrido na manhã desta segunda-feira (26), nas imediações da Fazenda Jardim, na região de Água Branca, em Serra Talhada.

Ele confirmou que oito estudantes estavam no veículo no momento do acidente e seis ficaram feridos sem gravidade.  “Um ônibus saiu da rota e lamentavelmente aconteceu um acidente, mas todos os estudantes estão bem, foram apenas ferimentos leves. A equipe de saúde de Serra Talhada, do Hospital Eduardo Campos e do Agamenon Magalhães, de prontidão, juntamente com toda a equipe da Secretaria de Saúde de Serra Talhada, esteve presente no local prestando os devidos socorros e direcionamento aos estudantes, e todos estão bem”, disse.

Sobre as causas do acidente, Israel disse que essa informação ainda está sendo apurada, mas garantiu que todos os ônibus da frota da GRE passam por inspeções. “As causas do acidente estão sendo devidamente apuradas para ser identificadas e a gente informa também que essa frota do transporte escolar de Serra Talhada realmente é de responsabilidade da Gerência Regional de Educação do Pajeú e que todos os veículos são inspecionados devidamente conforme as normativas de transporte escolar”, concluiu.

Ouça a declaração de Israel Silveira para o Blog Juliana Lima / Rádio Pajeú:

 

Compartilhamento

Ônibus escolar cai dentro de açude e deixa estudantes feridos na zona rural de Serra Talhada

Um ônibus com estudantes da rede estadual de ensino apresentou problemas mecânicos e caiu dentro de um açude na manhã desta segunda-feira (26), no Sítio Jardim, região do Distrito de Água Branca, em Serra Talhada, no Sertão do Pajeú.

Pelos menos seis estudantes sofreram ferimentos leves e foram socorridos para o Hospital Regional Professor Agamenon Magalhães (Hospam) e para o Hospital Eduardo Campos – HEC.

A diretora do Eduardo Campos, Patrícia Queiroz, informou ao Blog Juliana Lima que cinco adolescentes deram entrada na unidade com ferimentos leves, estáveis e sem sinais de gravidade. Eles permanecem em observação na unidade. “Vai ficar um para avaliação do cirurgião e os outros serão liberados”, informou Patrícia.

No Hospam, o diretor Leonardo Carvalho informou ao blog que uma estudante deu entrada na unidade apresentando fratura no ombro direito. Ela recebeu os primeiros atendimentos e será transferida para o Hospital Eduardo Campos.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Compartilhamento

Márcia perde maior partido da base para a oposição em Serra Talhada

Uma reviravolta que vai dar dor de cabeça à prefeita Márcia Conrado, e principalmente, para os 10 vereadores filiados ao Partido Progressistas (PP), ocorreu nas últimas 24 horas. O partido não faz mais parte do bloco governista. Antes, em Serra Talhada, a legenda era comandada pelo vereador Antonio Rodrigues, mas quem assume à presidência do diretório municipal é o advogado Renato Godoy, assessor do deputado Luciano Duque.

Nomes como os vereadores Nailson Gomes, Zé Raimundo e os demais, terão que buscar saídas para a crise que vai se abater no bloco.

Mas, na Câmara de Vereadores o rebuliço ainda é maior. Quem vai assumir à liderança do PP no legislativo é o vereador André Maio,que é o nome do ex-deputado Sebastião Oliveira, na disputa eleitoral deste ano. O advogado Renato Godoy vai protocolar, nesta quinta-feira (22), a indicação de Maio na Casa Joaquim de Souza Melo, assegurando, entre outras vantagens, um maior tempo de discurso na tribuna para André, que comemorou as últimas articulações.

“Aos poucos, uma nova realidade está sendo montada em Serra Talhada. Sou o novo líder do PP e a prefeita Márcia Conrado perde o partido com o maior número de vereadores na Câmara Municipal”, disse Maio, em conversa com o Farol.A articulação da oposição pegou de surpresa até mesmo o deputado Fernando Monteiro, que é do PP. O novo perfil também deve influenciar na formação das comissões no parlamento. A informação é do Farol de Notícias. 

Compartilhamento

TCE julga contas de Duque

A Segunda Câmara do Tribunal de Contas de Pernambuco analisa nesta quinta-feira (22) a prestação das contas de governo do ex-prefeito de Serra Talhada, Luciano Duque, relativas ao exercício financeiro de 2019.

Em janeiro, o TCE recomendou a aprovação das contas de 2020 do ex-gestor e há poucos dias retirou de pauta a votação das contas referentes a 2016.

Compartilhamento

Agência de marketing digital se destaca no Sertão de PE 

No mundo altamente conectado de hoje, o marketing digital desempenha um papel crucial na construção e expansão de marcas, especialmente para empresas locais e agências regionais, como a CHAMPS. Fundada no Sertão de Pernambuco por jovens com visão empreendedora, a agência CHAMPS acredita no poder do mundo digital para dar visibilidade às empresas privadas e políticos que ela atende.

Para as empresas privadas atendidas pela agência CHAMPS, o marketing digital oferece a oportunidade de aumentar a visibilidade, alcançar um público mais amplo e engajar potenciais clientes. Estratégias como otimização de mecanismos de busca (SEO), marketing de conteúdo, presença nas redes sociais e publicidade online permitem que essas empresas se destaquem em um mercado competitivo, alcançando seus clientes-alvo de forma eficiente e mensurável.

Além disso, para os políticos que buscam fortalecer suas campanhas e se comunicar efetivamente com eleitores, o marketing digital se tornou uma ferramenta essencial. Campanhas online, estratégias de mídia social e publicidade direcionada permitem que políticos ampliem sua visibilidade, comuniquem suas propostas e estabeleçam conexões significativas com seu eleitorado.

A agência CHAMPS, por compreender a importância do marketing digital para seus clientes, tem como objetivo proporcionar estratégias eficazes que atendam às necessidades tanto das empresas privadas quanto dos políticos locais. Ao usar as ferramentas disponíveis no ambiente digital, a agência busca elevar a visibilidade e a relevância de seus clientes, fortalecendo suas marcas e mensagens para que alcancem um público mais amplo e engajado.

Em resumo, a agência CHAMPS destaca-se como uma parceira valiosa para empresas privadas e políticos que buscam aproveitar o potencial do marketing digital. Através de estratégias personalizadas e inovadoras, a agência ajuda seus clientes a alavancar a visibilidade, conquistar a confiança do público e atingir seus objetivos, comprovando que, no mundo digital, a distância geográfica não é um obstáculo para o sucesso.

Compartilhamento

Vandinho denuncia atraso no pagamento dos servidores do saneamento em ST

O vereador Vandinho da Saúde usou as redes sociais para denunciar mais um atraso no pagamento dos servidores da Prefeitura de Serra Talhada.

Desta vez o parlamentar está cobrando o pagamento dos trabalhadores da Secretaria de Serviços Públicos que atuam no setor de saneamento básico. Segundo ele, o governo Márcia só pagou o mês de novembro a empresa responsável pelo serviço, LG.

“A última vez que a prefeitura pagou à empresa LG, conforme o portal da transparência do Tribunal de Contas foi no mês onze. Fizeram um empenho, liquidaram e pagaram 142 mil reais à empresa no mês onze. Não encontrei nenhuma ordem de pagamento nem de dezembro,  janeiro e fevereiro. Por essa razão a empresa não está pagando aos funcionários do saneamento básico, que estão com os salários atrasados por falta de pagamento da prefeitura municipal”, denunciou Vandinho.

Compartilhamento

Confusão entre vereador e influencer digital termina na Delegacia de Serra Talhada

Do Farol de Notícias 

Uma confusão entre o vereador China Menezes e o influencer digital Romualdo, conhecido por ‘Karen’, terminou na Delegacia de Polícia de Serra Talhada.

O fato ocorreu na Câmara Municipal e parte do imbróglio encontra-se nas redes sociais. ‘Karen’ esteve na redação do Farol de Notícias informando que foi atacado pelo parlamentar. “Ele tentou me enforcar dentro da Câmara Municipal e joguei café nele para me defender”, declarou.

O ato ocorreu antes do ato inaugural da Sala da Cidadania na manhã desta segunda-feira (19) e a Polícia Civil estava presente, conduzindo em seguida a ‘Karen’ para DP, após solicitação do vereador China Menezes.

Em conversa com o Farol, China Menezes negou que tenha agredido, mas partiu para ter uma dura conversa com o rapaz. Segundo ele, o influencer vinha há mais de 15 dias lhe provocando com palavras pejorativas e de baixo calão.

“Todos os dias quando chego na Câmara encontro este rapaz com piadas me menosprezando, denegrindo a minha imagem e tudo mais. Já tinha pedido para parar com isso, não fui eleito para ser desrespeitado, sou cidadão e também tenho minhas emoções. Foi muita provocação comigo até tudo acontecer”, lamentou Menezes.

No ano passado a Romualdo Karen também terminou na Delegacia de Polícia após ofender a prefeita Márcia Conrado com acusações sem provas. China e o influencer ainda serão ouvidos pela justiça.

 

Compartilhamento

Descartada possiblidade do Solidariedade negar legenda a Duque

O ato político realizado pelo deputado estadual Luciano Duque na manhã deste domingo (18) para marcar a chegada do suplente de vereador Lindomar Diniz  à oposição refutou qualquer dúvida acerca do apoio do Solidariedade ao projeto duquista  na Capital do Xaxado.

Uma das presenças de destaque no evento foi do médico e presidente municipal do Solidariedade, Dr Waldir Tenório. Demonstrando bastante entusiasmo, Dr Waldir discursou para os presentes e deixou claro que o partido está alinhado com o deputado e defende os mesmos objetivos para as próximas eleições.

“Estamos juntos, com o mesmo objetivo, por Serra Talhada. Todos aqui presentes são sinônimo de novos horizontes para a nossa terra”, declarou Dr. Waldir Tenório, rechaçando a ideia de que a ex-deputada Marília Arraes poderia negar a legenda a Duque em Serra como vinha sendo cogitado por setores da imprensa e por nomes ligados ao governo Márcia.

Compartilhamento

Ex-secretário deixa o PT em Serra Talhada

Andando na contramão das eleições de 2022 com a vitória do presidente Lula, o PT segue definhando na região do Pajeú.

O partido perdeu mais um filiado no final de semana. Dessa vez foi o ex-secretário de Obras e Infraestrutura de Serra Talhada, Cristiano Menezes.

Nos últimos meses, o PT de Serra perdeu diversos nomes importantes e segue dividido em torno da reeleição de Márcia Conrado.

Já na outra ponta do Pajeú, o partido ganhou um reforço importante em São José do Egito. A professora e ex-secretária de Educação, Roseane Borja se filiou à sigla. Roseane foi candidata à prefeita em 2020 com o apoio de Zé Marco de Lima e agora busca aproximação com o pré-candidato oposicionista Fredson Brito.

Apesar do reforço importante, caminha para ser coadjuvante nas eleições 2024.

Compartilhamento

“Prefeitura deve quase R$ 1,5 milhão ao Altino Ventura”, denuncia vereador

O vereador oposicionista Vandinho da Saúde denunciou mais um débito milionário atribuído à gestão Márcia Conrado em Serra Talhada. Segundo o parlamentar em entrevista à TV Farol nesta sexta-feira (16), o governo municipal está devendo cerca de R$ 1,5 milhão à unidade da Fundação Altino Ventura – FAV, no Alto da Conceição.

“Cerca de um milhão e meio de reais, a Prefeitura Municipal de Serra Talhada deve à Fundação Altino Ventura aqui em Serra, que corre o risco de fechar as portas”, alertou o vereador. Segundo ele, a prefeitura empenhou os valores referentes aos últimos oito meses, mas não efetuou os pagamentos à Fundação.

“Faltam pagar julho, agosto, setembro, outubro, novembro, dezembro, janeiro e fevereiro. Esses empenhos, que eles empenharam, eu extrai do Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco”, denunciou. O parlamentar disse ainda que entrou em contato com uma fonte ligada à Fundação Altino Ventura, que demonstrou grande preocupação com a situação de inadimplência do município de Serra Talhada.

“Eu tenho contato com o pessoal em Recife, e uma conversa que eu já tive é ‘a gente não pode trabalhar sem receber, se o Altino não receber vai fechar as portas’. Se o Altino Ventura não receber o débito que o município deve, o Altino pode fechar as portas. Foi inaugurado ontem [o bloco cirúrgico] e hoje já pode fechar por falta de pagamento”, revelou.

“Eu quero fazer um pedido especial à prefeita Márcia Conrado, à secretária Lisbeth Rosa, paguem a dívida que vocês devem ao Altino Ventura, a população de Serra Talhada não pode ser penalizada pelo má gerência de vocês não. Se vocês contraíram dívidas com festas, lanchinhos, quentinhas, brioches, salgados, isso é problema de vocês, agora os pacientes do Altino Ventura não podem ser desassistidos por falta de responsabilidade da secretária de Saúde e da prefeita que não pagaram mais de um milhão, chegando perto de um milhão e meio”, disparou Vandinho.

Compartilhamento

Inmet aponta situação de “perigo” de chuvas intensas no Pajeú

Municípios do Sertão de Pernambuco estão em situação de “perigo” de chuvas intensas, segundo classificação do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). O alerta vale até a manhã deste sábado (17).

Isso significa que pode ocorrer precipitação entre 30 e 60 mm/h ou 50 e 100 mm/dia, ventos intensos (60-100 km/h). Ainda, que há risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e de descargas elétricas.

As cidades em “perigo” são: Afrânio, Araripina, Belém do São Francisco, Bodocó, Cabrobó, Calumbi, Carnaubeira da Penha, Cedro, Dormentes, Exu, Floresta, Granito, Ipubi, Itacuruba, Lagoa Grande, Mirandiba, Moreilândia, Orocó, Ouricuri, Parnamirim, Petrolina, Salgueiro, Santa Cruz, Santa Cruz da Baixa Verde, Santa Filomena, Santa Maria da Boa Vista, São José do Belmonte, Serra Talhada, Serrita, Terra Nova, Trindade, Triunfo e Verdejante.

Compartilhamento

Márcia briga na Justiça para não pagar piso da odontologia em Serra Talhada

Odontóloga por formação, a prefeita Márcia Conrado (PT) está travando uma verdadeira queda de braço na Justiça com o Conselho Regional de Odontologia (CRO-PE) em virtude do piso da categoria em Serra Talhada, no Sertão do Pajeú.

O blog apurou que a prefeita está lutando nos mais altos tribunais para não ser obrigada a pagar o piso dos profissionais odontólogos que atuam na rede municipal de saúde desde que o CRO-PE entrou com uma Ação Civil Pública com pedido de liminar contra o município governado pela petista em 2021.

A ação foi movida após a abertura de um Processo Seletivo para a contração em caráter temporário de vários profissionais no ano de 2021. Mas segundo o CRO-PE, o edital descumpriu o valor do piso e a carga horária estabelecidos para a categoria, que tem direito a um piso salarial equivalente a três salários mínimos para uma jornada de 20 horas semanais, mas o município estabeleceu 40 horas semanais.

“Ela tem ido a todas as instâncias para não pagar”, revelou uma fonte ao blog pedindo anonimato por medo de represálias. Há informações que a gestora vem sendo obrigada a cumprir a carga horária legal após a intervenção do CRO-PE, enquanto a discussão acerca do piso salarial se encontra no Supremo Tribunal Federal (STF).

A postura da prefeita tem chamado atenção do CRO-PE, que afirmou recentemente que em Serra Talhada prevalece o ditado popular “casa de ferreiro, espeto de pau”. Ou seja, para o conselho, mesmo a prefeita sendo odontóloga, o serviço da odontologia vem deixando a desejar no município. Inclusive, recentemente o conselho teve que interditar o consultório dentário de um posto de saúde na zona rural por se encontrar em condições precárias. A situação precária foi flagrada pelo CRO-PE na comunidade do Poço da Cerca. Apesar do escândalo, Márcia preferiu silenciar sobre a gravidade da situação até os dias atuais.

“Conforme será demonstrado a seguir, o salário ofertado aos Cirurgiões Dentistas encontra-se em completo desacordo com o piso estabelecido na Lei Federal nº 3.999/61, bem como, as normas éticas impostas a profissão que rechaçam o aviltamento profissional. Desta forma, muitos profissionais não fizeram a inscrição frente à condição e formas ofertadas e fizeram denúncia junto a Autarquia para providências”, diz o CRO-PE.

“Conforme se verifica, o atual piso salarial do Cirurgião Dentista é de R$ 3.300,00 (três mil e trezentos reais) para uma jornada de trabalho de 20 horas semanais, sendo ilegal e aviltante o valor ofertado. Para o cargo de médico o Munícipio paga para a mesma carga horária ofertada, valor acima do piso mínimo”, apontou o conselho.

Recentemente, um dentista da cidade procurou o site Farol de Notícias para questionar as atitudes da prefeita e colega de profissão. “Recentemente, tomei conhecimento de que a prefeita entrou com uma ação na justiça buscando não cumprir o piso salarial estabelecido por lei federal para os profissionais da odontologia. Esta notícia é extremamente desanimadora e lança uma sombra sobre sua liderança. Outra questão preocupante é a resistência da prefeita em cumprir a carga horária máxima estabelecida por lei para os profissionais da odontologia. É fundamental que os profissionais tenham condições adequadas de trabalho e que as normas legais sejam respeitadas para garantir um atendimento de excelência à população. Diante desses desafios, é legítimo questionar se a prefeita Márcia Conrado está verdadeiramente comprometida em representar os interesses dos profissionais da odontologia e em assegurar serviços de saúde de qualidade para todos os cidadãos de Serra Talhada. Sua postura em relação a essas questões críticas lança dúvidas sobre sua capacidade de liderança e sua competência em lidar com os desafios enfrentados pela nossa cidade”, disse o profissional em nota pedindo reservas.

Compartilhamento

Podemos reforça pré-candidatura de Ronaldo de Dja com apoio de Duque

Da assessoria

Em encontro realizado na noite desta quinta-feira, 15, o Podemos de Serra Talhada, partido presidido localmente por Aron Lourenço, mostrou força e deu a largada rumo às eleições de outubro deste ano.

Contando com a presença do deputado estadual Luciano Duque e do pré-candidato do grupo a prefeito Ronaldo de Dja, a legenda apresentou pré-candidatos e lideranças que vão marchar com o partido, entre eles, o vereador Vandinho da Saúde, líder da oposição na Câmara Municipal.

Quem também marcou presença foi Miguel Duque, presidente estadual do Podemos Jovem e filho do parlamentar.

O presidente do partido em Serra Talhada não escondeu a alegria com o fortalecimento da sigla. “O Podemos chegou forte porque temos muitas pessoas comprometidas com o resgate das políticas públicas que transformaram a vida das pessoas em nosso município e que hoje estão abandonadas pela atual gestão. Vamos apresentar a população uma proposta contendo não apenas projetos inovadores, mas, também, ações exitosas que realizamos nos governos do ex-prefeito Luciano Duque e que proporcionaram dignidade e qualidade de vida aos serra-talhadenses”, destacou Aron.

Compartilhamento