PSB divulga nota sobre avião de Campos

Postado em Brasil, Pernambuco, Política por em 27 de agosto de 2014

O PSB divulgou nota oficial, na tarde desta terça-feira (26), sobre as cobranças que vem recebendo em relação ao avião Cessna que caiu provocando a morte do ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos (PSB) e mais seis pessoas, no dia 13 de agosto. O posicionamento havia sido prometido para hoje e reforçado pela candidata à Presidência pelo PSB, Marina Silva.

De acordo com o texto, assinado pelo presidente nacional da legenda, Roberto Amaral, o uso da aeronave “foi autorizado pelos pelos empresários João Carlos Lyra Pessoa de Mello Filho e Apolo Santana Vieira” e que só ao final da campanha seria emitido o recibo eleitoral.

Acrescenta, ainda, que “a tragédia impôs alterações na direção partidária e na estrutura da campanha, o que ocasionou na dificuldade no levantamento das informações necessárias para o esclarecimento das dúvidas”.

Confira, abaixo, a nota na íntegra:

Nota Oficial do Partido Socialista Brasileiro

O Partido Socialista Brasileiro esclarece:

A aeronave de prefixo PR-AFA, em cujo acidente faleceu seu presidente, Eduardo Henrique Aciolly Campos, nosso candidato à presidência da República, teve seu uso — de conhecimento público — autorizado pelos empresários João Carlos Lyra Pessoa de Mello Filho e Apolo Santana Vieira.

Nos termos facultados pela legislação eleitoral, e considerando o pressuposto óbvio de que seu uso teria continuidade até o final da campanha, pretendia-se proceder à contabilização ao término da campanha eleitoral, quando, conhecida a soma das horas voadas, seria emitido o recibo eleitoral, total e final.

A tragédia, com o falecimento, inclusive, de assessores, impôs conhecidas alterações tanto na direção partidária quanto na estrutura e comando da campanha, donde as dificuldades enfrentadas no levantamento de todas as informações que são devidas aos nossos militantes e à sociedade brasileira.

Brasília, 26 de agosto de 2014

Roberto Amaral
presidente Nacional do Partido Socialista Brasileiro

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *